quarta-feira, 18 de março de 2009

RSS - tudo de bom

O processo de instalação de um RSS é bem fácil.
Para tal, segui os seguintes passos:

Identifiquei os programas que permitiam o uso do RSS e escolhi dentre eles o 'feedDemon'. Segui as instruções fornecidas pelo programa e consegui fazer a instalação com facilidade. Não encontrei maiores dificuldades no manuseio do programa, que para mim foi uma noivdade, pois sempre via o ícone RSS nos sites e não sabia do que se tratava.

Não achei complicado nem identificar a página com RSS, nem escolher e instalar o leitor de RSS, nem configurar o leitor de RSS.

Depois de poucos dias de uso do RSS, percebi que adorava usá-lo. A utilização do RSS foi para mim uma surpresa útil. Utilizei o FeedDemon e o Google reader. Tive apenas um problema em relação ao feedDemon. Como ele foi instalado em minha máquina pessoal, que fica em casa, não pude utilizá-lo senão na parte da noite, ao acessar meu PC. Dessa forma, o programa estava abarrotado de novas informações as quais eu não tinha tempo para ler.
Achei interessante, inclusive, um dispositivo que ele tem, chamado ‘panic button’ que nos auxilia na hora de selecionar o que poderia ou deveria ser lido. Como o volume de novas informações era imenso, tive que optar pelo ‘panic button’, que fez uma limpeza nas milhares de noticias que eu tinha armazenadas para ser lidas.
De qualquer forma, selecionei os sites de minha preferência, ligados à área econômica e à tecnologia, e descobri boas informações as quais me passariam despercebidas se eu tivesse que entrar em cada um dos sites para pesquisar a partir da página inicial.
Quanto ao Google Reader, esse foi mais útil para mim, uma vez que pude acessá-lo do meu trabalho e tive como verificar as informações em tempo real. Acredito que as duas ferramentas são úteis para a vida corrida que enfrentamos e a necessidade de nos informarmos constantemente.