quinta-feira, 6 de maio de 2010

Não é o que você está pensando...

Esse país é mesmo muito engraçado.
O Secretário Nacional de Justiça, Romeu Tuma Jr., que recentemente assumiu o Conselho Nacional de Combate á Pirataria, do Ministério da Justiça, aparece em gravações feitas pela Polícia Federal, negociando a compra de produtos contrabandeados pelo 'chefe da máfia chinesa', Paulo Li, preso em 2009!
A gravação, disponibilizada pelo jornal O Estado de São Paulo é hilária, para não dizer deprimente. Tuma Jr, fala com uma intimidade intrigante com Paulo Li, que na descontração utiliza-se até de vários palavrões numa conversa com nada mais nada menos do que o Secretário Nacional de Justiça do governo Brasileiro.


Senta, que lá vem estória

Tuma Jr. encomenda um videogame e pelo jeito está muito a vontade para fazer o pedido, conforme constata-se nas gravações.
No fim do dia, depois de um vai e vem da história, o secretário se reuniu com o ministro da Justiça, Luiz Paulo Barreto, que se reuniu com o presidente Lula, que já havia dito que era preciso "Primeiro esperar a investigação" e que "todo mundo sabe que o delegado Tuma é muito experimentado na polícia brasileira, na polícia de São Paulo. É um homem que tem uma folha de serviços prestada ao país".
Todo mundo, quem, cara pálida?
Para mim, as gravações são bem claras e se não provam alguma coisam, indicam pelo menos que há muita fumaça nesse fogo!

só rezando para dar uma boa explicação.

Mas, como no Brasil nada é o que parecer ser, pelo menos para os mais afortunados... (vai eu aparecer numa ligação rastreada pela PF em negociação com o chefe da máfia chinesa! Até provar que focinho de porco não é tomada, eu já estava no xilindró).

No fim do dia o proprio Tuma Jr. convocou uma entrevista coletiva para dizer: "não tive acesso às investigações e portanto não posso dizer nada".
Ah, bom! Então tá. Agora entendi. para mim, essa declaração, se houvesse um tradutor de pensamentos seria:
- fui pego. Ouvi asgravações, sou eu mesmo e não tenho como explicar. Portanto, preciso de tempo.
Mais essa, hein presidente?
A verdade é que: Lula defendeu o seu secretário e diretor do Conselho de combate à pirataria, o ministro da justiça não quis falar e, apesar de passar o dia reunido com um (o da berlinda) com outro (o chefe) não falou nada, não se posicionou, nem nada!
Bom, esse país é mesmo engraçado.

Blade Runner para bebês?

por katia maia Com meus filhos crescidos, adultos e já homens feitos, não preciso mais pautar minhas idas ao cinema aos horários, ses...