domingo, 9 de maio de 2010

Ser mãe é a grande viagem

Dia dasMães me lembra sempre momentos especiais. Momentos com minha mãe e principalmente com meus filhos. Não existe o Dia dos filhos, mas são eles que fazem da gente 'Mães" e nos deixam sempre com essa sensação gostosa de seguir, orientar, acompanhar, aproveitar e curitr esse papel que a gente escolhe de ser Mãe.

Se tem uma coisa que me deixa feliz é ser mãe e ter meus dois filhos - lindos, maravilhosos e amados. Sim, porque para mim, eles serão sempre essas duas figuras mais importantes em minha vida.

Nada consegue ter pontuação maior do que meus dois filhos em minha escala de existência. E não falo isso como uma mãe possessiva e controladora. Não. Falo isso como uma mãe completamente apaixonada pelos meus dois melhores projetos de vida. Ter meus filhos, acredito, me fez uma pessoa especial.

Ser mãe, faz das mulheres especiais - pelo menos é assim que penso e acredito. Acompanhamos cada passo, cada ação, cada momento de nossos filhos. Isso tudo, com a certeza de que um dia eles partirão para ganhar o mundo e assumir suas vidas assim como fizemos um dia. Sei disso, me preparo para isso, mas digo sempre e repito para eles. Mãe é sempre e todo dia.

Estarei sempre imginando se comeram direito, se fizeram o trabalho corretamente, se estão felizes, se estão bem. Porque mãe é isso. Estamos sempre 'linkadas' em nossas crias, mesmo quando estamos longe e quando os deixamos voar para conquistarem seus espaços sozinhos ou não.

Lembro-me que quando estive grávida dos meus filhos. Foram os períodos de minha vida em que nada me atingia. Nada me fazia mal. Por que? Simplesmente porque eu estava 'gerando' e nada podia me abalar. Eu estava plena e absoluta.

Pois bem, os filhos nascem, a alegria continua. Acrescida de muita preocupação, é claro.
Não vou menitr para vocês. Tem momentos que quero sumir, tamanha é a responsabilidade e a preocupação. Não somos nunca mais donas de nossos dias, nossas noites, nossas agendas. Tudo para. Tudo pode ser interompido se há um chamado, um pedido de um filho por atenção, por ajuda ou por companhia.

Filhos são a minha melhor viagem, meu melhor destino. Adoro os meus e se sou mãe, devo a eles. Esse dois rapazes lindos que habitam os meus dias, me fazem sorrir, me fazem chorar, me fazem ficar apreensiva, me fazem me sentir a pessoa mais importante do mundo. Não há nada comparado a ser e viver o papel de mãe.

Parabéns a todas as mamães em seu dia!
///~..~\\\

Blade Runner para bebês?

por katia maia Com meus filhos crescidos, adultos e já homens feitos, não preciso mais pautar minhas idas ao cinema aos horários, ses...