terça-feira, 13 de abril de 2010

Brasileiro vai às compras e se endivida mais.

Dívida de brasileiro cresce 18%
Vânia Cristino/Correio Braziliense


Em março, com a perspectiva do fim do IPI reduzido, consumidores intensificaram as compras a prazo de carros, móveis e eletrodomésticos


A ânsia do consumo por parte da população de baixa renda, que quis aproveitar a vantagem dada pelo governo para a compra, com imposto reduzido, de veículos, móveis e vários eletrodomésticos (fogão, geladeira e máquina de lavar), fez com que a procura por crédito desse um salto em março. Segundo a Serasa Experian, a demanda por financiamentos cresceu 18,3% em relação a fevereiro. Se forem consideradas apenas as famílias com renda mensal de até R$ 500, o crescimento foi muito maior: 32,9%. As duas taxas são recordes. (reportagem completa no CB)

E aí bla... bla... bla eu gostei

Restaurante Bla´s, na Asa Norte por katia maia Então, fui conferir uma das opções do Restaurante Week dessa leva. O escolhido foi...